AmorAmor, Pensamentos soltos, Refletindo

✞=♡

Quando Jesus estava no ápice da dor física e emocional, na primeira hora da cruz, quando Deus parecia prestes a intervir, Jesus, num esforço sobre-humano, clamou: Pai, perdoa-os porque eles não sabem o que fazem. Provavelmente foi a primeira vez na história que um ser humano mutilado e esmagado pelo sofrimento conseguiu se preocupar com as pessoas que o torturavam. Jesus defendeu todos os seres humanos perante Deus. A partir desse acontecimento, toda vez que um ser humano erra e se aproxima de Deus, seja qual for a maneira de aproximação, suas falhas são compreendidas. Se ele perdoou os torturadores de seu filho, quem pode escapar da grandeza do seu amor? |Martha Seillier|

Feliz Páscoa

Beijos de Amor

Olivia

Advertisements
Standard
AmorAmor, Refletindo, Semente, Ser Sustentável, Utilidade Pública

Dia de Ação de Graças

Eu sempre falo sobre o dia de ação de graças aqui no blog, e esse ano apesar da minha ausência não poderia ser diferente. Esse ano não vai ter textão , mas vai ter meu protesto pacifico sobre esse dia lindado que época um dos feriados (só perde para o natal) mais importante dos Estados unidos e época celebrado em vários outros países desenvolvidos. Cada vez mais vejo a cultura do Hallowem penetrando no Brasil, nada contra quem gosta, mas eu acho que deveríamos usar esses tempos de conflitos sociais e econômicos no nosso pais para colocar em cheque tudo aquilo que andamos copiando. Por isso deixo minha pergunta:POR QUE NAO TROCAR A MANIA DE COPIAR UMA FESTA QUE SIMBOLIZA A MORTE PARA UMA FESTA QUE SIMBOLIZA A GRATIDÃO???

 

Sejam Gratos….SEMPRE! ❤

Beijos Gratos

Olivia

Standard
Pensamentos soltos, Refletindo

Consultoria de Estilo na Prática

Essa frase resume um texto enorme sobre ética e comportamente profissional. Então leia e repare que: Se você está pagando uma consultoria e o produto final que te for entregue é algo diferente do que realmente você é, então seu dinheiro foi jogado fora. Fica esperta!

Beijos Espertos

Olivia

Standard
Poesia, Refletindo, Semente, Ser Sustentável, Utilidade Pública

Nós e os nossos valores

Será que toda crise, toda podridão, toda crise que nosso pais está vivendo não está apenas refletindo o que nós somos, o que o povo brasileiro é na essência? Ou (para não generalizar também) seria tudo isso o retorno do que a maioria tem sido no seu íntimo? Ruy Barbosa disse no inicio do século 20: “Cada povo tem o governo que merece”.Como tem sido a liderança, o governo, as autoridades dentro de nossas casas?O que estamos vivendo no dia a dia? Eu não gosto muito de publicar textos de outras pessoas/autores (apesar de publicar bastante rsrsr). Mas essa moça tem ganhado o meu coração (e de milhares de pessoas no Brasil). A maternidade aflorou nela uma beleza literária imensurável. E esse texto MERECE ganhar mundão! Sei de muitas pessoas que leem meu blog mas que não tem instagram, então deixo aqui a reflexão que ela fez essa semana no seu perfil do insta, com todo meu respeito e admiração por essa mulher, que tem cara de menina e que acabou de se tornar mãe. Também já aderi a campanha: Lança um livro RAFA BRITES.

Nosso país vem passando por uma grande crise política, uso o gerúndio porque desde que tirei meu título de eleitora e fui conversar com o meu pai sobre, ele já falava da corrupção e provavelmente o meu avô disse que estavam passando por essa crise nos anos 60. Hoje acompanhamos ao vivo, on line, on demand os passos das investigações e como um grande triller de cinema ficamos esperando a hora da captura, (e torcendo contra a soltura) dos nossos vilões. Cenas como a do Garotinho esperneando, do Eike expondo a careca ou o Cerveró sendo linxado no avião fazem nosso coração bater mais forte. Risadas e o famoso BEM FEITO é o que mais ecoa. E se eu falar pra vocês que tenho pena de todos eles? Que choro vendo isso.Já sei, vão se revoltar como meus amigos, meu marido… e dizer pra mim: Pena? Pena eu tenho do coitado na fila do SUS, do professor com salário atrasado ou da família do policial baleado. Não discordo LÓGICO. Mas a minha pena é mais profunda. Vai além da pena circunstancial. É uma pena da alma. A pena pela falta de valores.O pior dos canalhas tem uma família e a ama. Roubam para o luxo.Para o supérfluo que oferecerão acreditando que os fará mais amado e admirado por todos. Ele não tem culpa ao deitar a cabeça no travesseiro. Ele é desprovido dela.Tenho pena deles pela distorção do que é ser feliz. Um barco para amigos, uma jóia para a esposa, uma viagem de primeira classe para os filhos na mente doente deles realmente o fará mais respeitado que levar todos até um bairro carente e mostrar um hospital novinho, moderno e pronto para atender a população e dizer: olha esse é o trabalho do papai, ganho para tornar esses projetos realidade. Tem nobreza maior? Pobre desse ser humano que não tem via de acesso a um sentimento tão sublime que é a compaixão. Me pergunto quem criou esses senhores e senhoras? Não tiveram sucesso ao ensinar o que é honra. A verdade é que nós não passamos de indivíduos carentes a procura do amor dos que nos rodeiam. Eles não são diferentes, mas entenderam tudo errado. Pobres criaturas, como o Criolo os chamou no Cd novo, garotos mimados.
Precisamos fazê-los pagar a pena judicial que eles tentam amenizar. Já a minha pena acho difícil conter. |Rafaella Brites|

Beijos Pensativos

Olivia

Standard
Pensamentos soltos, Refletindo, Ser Sustentável

Mudança

Toda mudança gera desconforto. Mas precisamos estar atentos com a direção da mudança. Toda vida causa euforia e contentamento. Assim como toda morte causa dor (por isso que crescer dói, parir dói, mudar dói,  pois é a morte da nossa infância e nascimento de outras fases, é a morte da nossa condição de ser apenas mulher para nos tornar além de mulher mãe, é a mudança de um lugar “confortável” para um lugar de mistério!).
Quando a mudança vem de dentro (e por dentro leia-se, que vem da alma) transforma nossa vida, nossa mente e nossa realidade, mas quando ela vem de fora é sempre desagradável. Por isso nem sempre uma gestação é tão agradável, pois o fator que nos deixou grávidas veio de fora e se uniu ao nosso corpo. E se pensarmos nas coisas simples da vida que enxergamos isso: quando decidimos dentro de nós mudar algum comportamento que nos desagrada e colocamos determinação e foco nisso, quando alcançamos a nossa meta nos sentimos vencedores. Porém quando temos que mudar por força externas (ex: a morte inesperada de alguém, a perda de um emprego e etc…) essa transformação é dolorosa. Óbvio que nem sempre temos o controle de tudo, e que muitas coisas irão nos obrigar a mudar durante a vida, mas eu creio que o exercício de constante mudança interna nos traz a maturidade e a leveza para enfrentar as mudanças externas, principalmente aquelas que não podemos controlar, e transformar algo doloroso e cruel em um ponte para crescer. E eu iria mais profundo, o exercício de mudança interna nos transforma em agentes controladores das mudanças externas. Acredito que quem desperta, sabe que tudo o que vê é reflexo de seu interior. Toda a loucura que ressalta no outro tem fonte em si! Todo absurdo que pensa estar fora, está dentro.

Quem inicia o trabalho de introspecção e silêncio, mudança e renovação, vê que há tanto trabalho de descoberta e transformação em si que não há mais tempo para reclamar e apontar feridas alheias.
Como andam a suas mudanças? Você tem mudado mais internamente? Ou apenas forças externas tem obrigado você a mudar? Já parou para pensar se você está gerando mais vida ou morte para si mesmo? Pare e repense se suas mudanças são suas decisões ou suas consequências? Você tem o domínio de si ou o mundo está de moldando e matando suas verdades?
Para quem é cristão deixo ainda uma última pergunta: como anda o desenvolvimento dos frutos do Espírito em você? Lembrem-se que cultivar os frutos do Espírito (Gálatas 5:22-23) nos traz mudanças internas, e mudanças internas geram vida, nos tornam melhores e mais próximos a Cristo! Pensem nisso.

Beijos de Mudanças

Olivia

Standard