AmorAmor, Fotografia, Gravidez & Maternidade

Decoração José leite 1 Ano

A decoração da festinha do meu filho merece um post só dela, não porque fui eu quem fez, mas porque eu quero incentivar e elogiar todas as mães que por não ter condição de ofertar uma festa super não desistem de fazer algo bonito para seus filhos. Não deixe nunca que uma limitação orçamentária seja uma barreira para celebrar a vida ou uma data especial.
Como eu disse eu fiz tudo na decoração do meu filho (exceto os doces que foram da Malu e estavam divinos), não cheguei a gastar nem 500 reais e só aluguei uma mesa redonda que custou 70 reais (os outros moveis eu usei do meu pai e meus que já existiam). Eu me diverti muito, poder escolher tema foi muito bacana, afinal preciso aproveitar enquanto ele ainda não tem noção sobre isso, porque logo menos ele estará escolhendo seus temas de aniversário, mas o mais legal foi ver meu filho participando do processo, entrando no clima e sentindo o momento. Acredito muito nisso, guardo em minhas mais doces lembranças esse momentos, porque quando eu era pequena minha mãe não tinha muito dinheiro, então minhas festas eram todas fabricadas dentro de casa e eu quero que meu filho viva isso também. Então não se sinta frustada por não conseguir fazer uma festa com megaprodução, aproveite a oportunidade para interagir e viver todo o processo com seu filhos, acredite! seu filho não está ligando para se a festa dele é a mais linda e bem produzida do planeta terra, o que ele quer é interação, diversão, você! Como está no texto do @soseducação do post anterior não precisamos de dinheiro para criar encantamento e deslumbre nos nossos filhos, precisamos de presença! Aproveite!

Beijos Festeiros

Olivia

Advertisements
Standard
AmorAmor, Fotografia, Gravidez & Maternidade

Por que você se lembra da festinha simples que seus pais faziam na garagem de casa.

Por que você se lembra da festinha simples que seus pais faziam na garagem de casa, mas seu filho não vai lembra da megaprodução de aniversário que você preparou para ele.
Recentemente, pesquisadores conseguiram encontrar cinco elementos presentes nas memórias positivas que levamos para o resto da vida. O PRIMEIRO elemento é as sensação de encanto ou deslumbramento. São momentos que envolvem emoções como surpresa, alegria e admiração. Contudo, situações de extrema alegria ficam registradas quando há interação com nossos familiares mais próximos. Isso significa que aquela festa de aniversário caprichada, com decoração, personagens e equipe de recreação só vai ficar registrada nas fotos e nas filmagens. Na memória sobrarão os momentos de interação que ele teve com os pais e irmãos. O problema é que, exatamente nesse dia, estamos tão ocupados! Passamos a festa fazendo malabarismo para receber os convidados e tentar segurar o aniversariante para tirar fotos, receber os presentes e nao se sujar antes do “parabéns”. E assim nossas crianças curtem esse dia, mas não levam registros na memória. Por isso, há mais chances de você lembrar da festa simples que seus pais faziam na garagem de casa do que seu filho ter memórias sobre a superprodução que você tanto se esmerou em criar para ele. Com menos pessoas, menos distrações, mais proximidade com os familiares, nossas festas de aniversário nos permitiam ter o PRINCIPAL elemento na criação de memórias positivas relacionadas ao encanto e deslumbramento: interação familiar. Uma dica para que seu filho possa guardar momentos como esse é criar oportunidades para o encantamento antes da chegada dos convidados ou na preparação da festa. Organize o dia para que vocês tenham momentos a sós, em família, para curtir a data tão especial. Vale também para formatura, primeiro dia de aula, início ou final das férias e outros momentos especiais.

Li esse texto no @SOSEDUCAÇÃO hoje e não pude deixar de compartilhar aqui junto com as (super atrasadas) fotos do aniversário do meu filho José Leite que foi dia 02.10.2018. Já tinha um tempo que vinha pensando em escrever sobre esse assunto aqui, mas não encontrava as palavras corretas e gentis para não ofender os pais que optam por fazer das festas de seus filhos uma verdadeira festa de “casamento”, no entanto amei esse respaldo cientifico, pois era exatamente o que eu pensava sem nem saber que existia um estudo para tal.
Quero deixar claro que RESPEITO toda família (inclusive de várias amigas minha) que optam por celebrar as festinhas de CRIANÇAS de formas homéricas, mas peço licença para deixar aqui registrado a minha ENORME ADMIRAÇÃO pelos pais que optam pelo simples, pois apesar da nossa sociedade pregar uma ideia contrária, ser simples é ser INCRÍVEL! em todos os aspectos.
A festinha do José aconteceu na casa do meu pai, exatamente no dia que ele nasceu (caiu numa terça-feira),no horário que ele fica acordado (ele dorme as 19hrs com um limite máximo até as 21hrs) então a festinha começou as 17:30hrs com hora para terminar, APENAS com convidados que ele convive constantemente (sim, ficaram de fora amigos queridos nossos que não convivem tanto assim com José). A decoração foi toda feita por mim (do jeito que a minha mãe fazia para mim) e apesar de termos doces e guloseimas açucarados (e divinos! que merecem um post exclusivo por sinal), eu fiz questão de fazer o bolinho de banana que o José ama (e que ficou na altura que ele pidesse pegar), o purê de maça que ele adora, a janta dele e os salgadinhos sem lactose etc.. (tudo para que ele também pudesse comer, afinal a festa é dele). Essa foi a nossa escolha, a nossa decisão e foi muito lindo! No final ele estava tão feliz, tão empolgado. Tenho certeza que ficou gravado no coração dele. ❤

Beijos Simples

Olivia

Standard
AmorAmor, Fotografia, Gravidez & Maternidade

Voltamos…

Olá de volta! Fiquei mais de mês de férias (na verdade desde o dia 19 de junho) deixei vários post programados para o mês de julho, mas por motivos desconhecidos eles não entraram. Sem problemas, sem neuras, o site volta agora com gás total. Já vou logo avisando que estou imersa na vibe da maternidade, então vai rolar muito post sobre esse assunto (Alô futuras mamães de plantão, vamos juntas!! \0/ ) e claro muito looks. Aguardem!
Para iniciar uma foto linda do ensaio que fizemos nas férias.

Beijos Barrigudos

Olivia

Standard
Dicionário de Moda, Fotografia

Dicionário de Moda- Boudoir

Boudoir é uma palavra francesa e pronuncia-se “buduar”. Ela significa o quarto de uma mulher. Na moda boudoir era uma tendência que se transformou em truque fashion e ousado. Esse termo é usado para denominar as peças que parecem ou lembram uma lingerie e/ou a própria lingerie que fica a mostra na produção e que geralmente vem recheado de transparências sutis, recortes estratégicos e tecidos vazados.
Se antes o curto, justo e decotado imperava, agora a palavra de ordem é dar mais espaço ao jogo do mostra-esconde, ou seja, cobrir sem esconder.
Boudoir também é um termo usado no mundo da fotografia para classificar ensaios fotográficos que são extremamente sexy e ousado. A sessão fotográfica Boudoir geralmente é feita em um cenário como um quarto ou cenário com essa ambientação. Um lugar intimista para criar imagens elegantes que podem ser suaves, românticos, sexy ou levemente sensuais. Não é foto nua, é foto que usa a nudez velada de forma delicada e feminina.O foco principal de um fotógrafo boudoir é capturar a mulher da forma mais lisonjeira, registrando poses que valorizam o seu tipo de corpo – jamais sendo vulgar. Um dos destaques do boudoir é que ele eleva bastante a auto-estima da mulher, fazendo você se sentir mais bonita e valorizada.

Algumas fotos de ensaios Boudoir feito pela minha incrível e talentosa amiga Ste Afonso, para contratar os serviços dela clique aqui.

Bisos Bisos A La Francesa

Olivia

Standard