Casamento Rob&Fran, Fotografia, Lua De Mel, Viagens

Lua de Mel-Parte 7

Último post sobre minha lua de mel❤ e já planejando a próxima rsrsrrs. No penúltimo e último dia (que foi só meio, porque após o almoço voltamos para o hotel para pegar o transfer para o aeroporto. Fizemos bastante coisa. Quando chegamos em Paris perdemos uns dias e depois entramos num ritmo bem calmo de turistar, dai no último dia me bateu um desespero, porque ainda tinha um monte de coisas para ver e fazer e pouco tempo..hehehhe
Assim o dia começou cedo, primeiro para conhecer a TORRE EIFFEL, de lá andamos até a PLACE DU TROCADERO, e muitas fotinhas rolaram, Clarooo!!!. Depois metrô até a estação Blanche que fica do lado do MOULIN ROUGE, café da manhã no Starbucks. De lá o tour começou subindo a rua LEPIC, uma típica rua de comércio alimentar de Paris, muitos queijos, verduras e frutas frescas, carnes, muito legal sentir essa atmosfera da energia local mesmo, e não só aquela turisca sabe? eu amo. Paradinha no número 15 da RUE LEPIC pois é onde fica o CAFÉ DES DEUX MOULINS imortalizado pelo filme AMÉLIE POULAIN, eu que sou fã do filme não poude deixar de parar né, muito legal essa coisa de viver a emoção de ser fã hahahaha. De lá segui em frente, ou melhor para o alto (porque é uma ladeira) e virei a direta na RUE DES ABBESSES, um charme indescritível, lugar que eu não conhecia e amei de paixão, deu vontade de me hospedar na região (tããão Paris hahaha). Andei até chegar na PLACE DES ABBESSES onde fica a estação de metrô que tem uma entrada linda, bem antiga, de estilo ART NOUVEAU. Na praça, pertinho da estação tem um pequena praça, logo atrás, onde fica o um muro chamado de “MURO DO EU TE AMO” ou LE MUR DES JE T’AIME. Nada mais é que uma parede onde a frase “eu te amo” está escrita em mais de 300 idiomas, realmente não tem nada de mais, porémé muiiiiito charmoso, poxa1 também né, em Paris parece que até um monte de extrume ficaria charmoso ôô cidade encantadora❤ . De lá segui andando e peguei a rua D’ORSEL e virei na RUE DES TROIS FRÈRES. Segui reto até a entrada do bondinho que fica nos pés da igreja SACRE-COEUR, dá para subir de escada, mas o dia estava tão lindo, minahs fotos ficando lindas, fiquei com medo de perder um megaaaa tempo subindo e fotografando as belezas hahaha…dai subi de bonde mesmo. A igreja é MARAVILHOSAAAAA!! não sou muito de entrar em igreja, porque nem sou católica nem nada, mas essa eu entrei a amei. Lida! LInda! Linda! Saindo da igreja virei a esquerda na RUE AZAIS até chegar na PLACE DE TERTRE a famosa praça de Montmartre cheia de pintores, restaurantes e turistas(muiiiiitoos turistas) o que na minha opnião tira um pouco da beleza do lugar, mas ainda assim é um lugar muiiito fofo! Não fiquei muito lá por isso, segui andando pela RUE NORVINS até encontrat a PLACE MARCEL AYMÈ que estava em reforma e escondia uma escultura muito interessante em homenagem à sua obra chamada de LE PASSE MURALLE ou o Homem que passa atráves dos muros. Gostei bastante, de lá comecei a descer a rua LEPIC novamente (ela é uma rua bem engraçada que faz curvas rsrrs) e log na esquina encontrei um moinho transformado em restaurante chamado LE MOULIN DE LA GALETTE, achei uma graça, e como nao tinha lido em relação a ele, cheguei no hotel e pesquisei, e adorei a historia do moinho, segue trecho da história: ” O Moulin de la Galette era um antigo moinho de vento situado no topo da colina de Montmartre, construído em 1622, e conhecido como Blute-fin. Em 1809 foi adquirido pela família Debray, junto com o moinho Radet, de 1717. No século XVIII havia 14 moinhos na região, destinados a moer trigo, prensar uvas e flores. Restaram apenas dois: o Blute-fin e o Radet.
(…) Em 1809 o moinho Radet foi adquirido pela família de moleiros Debray, que passou a produzir com o trigo que moía uma broa denominada galette, servida com um copo de leite. A galette tornou-se a tal ponto popular que o moinho passou a ser conhecido como “Moulin de la Galette”.O Moulin de la Galette é também um marco de lutas patrióticas. Em 1814, durante as Guerras Napoleônicas, após a derrota de Napoleão Bonaparte, Montmartre foi invadida pelos cossacos. Os membros da familia Debray participaram da defesa da colina e três perderam a vida na luta. Tempo depois, durante a Guerra Franco-Prussiana, com a derrota de Napoléon III, em 1871 a colina de Montmartre foi atacada por 20 mil soldados prussianos. Durante os combates o moleiro Pierre-Charles Debray foi morto e seu corpo foi pregado às pás de seu moinho.Um dos Debray que sobreviveram aos combates de 1814 resolveu abrir junto ao moinho, por volta de 1830, um bar popular, uma “guinguette”, como eram chamados esses espaços em que se podia até dançar, trocou leite por vinho e passou a atrair muita clientela. Os parisienses iam a Montmartre para aproveitar “os prazeres simples da vida” em um ambiente bucólico, com vinho, pão fresco e uma vista deslumbrante de Paris.A seguir, num espaço adjacente, começaram a ser realizados os célebres bailes do Moulin da la Galette, imortalizados nas obras de Van Gogh, Renoir, Pissarro, Utrillo, Dufy, Toulouse-Lautrec, Picasso e outros grandes artistas. Entre os quadros que retrataram esses bailes, o mais famoso é sem dúvida Bal du moulin de la Galette, de Renoir. Ao longo do tempo, o edifício passou por uma série de usos: café a céu aberto, salão de música e estúdio de televisão até, em 1939, ser classificado como monumento histórico. Atualmente, ao lado do moinho econstruído, ha um restaurante chamado “Le Moulin de la Galette”.” Fonte da pesquisa Paris Guia. LEGAL NÉ? De la segui novamente para o MARAIS onde “almocei” o crepe mais divino de Paris no LA DROGUERIE e me esbanjei em mais uma casquinha de AMORINO (impossível comer um só, juro!). Fiz comprinhas na COS uma especie de H&M só que bem mais sofisticada e muito parisiense heheh. Saindo do MARAIS vou continuar as comprinhas na AVENUE MONTAIGNE (Très Chic) e a noite rolou janatr no mesmo restô perto do hotel porque já estava morta com farofa.

Último dia acordamos cedo, tomamos café do starbucks para agilizar e partimos para a GALERIA LAFAYETTE (comprintchas e más compritchas rsrsrs) de fomos conhecer o PALAIS GANIER. Seguimos para o PALAIS ROYAL com direito a passeio no JARDIN DU PALAIS. Depois MUSÉE DU LOUVRE, depois JARDIN DES TUILERIES, OBÉSLIQUE e acabou. Como sempre Paris deixando saudades. Dá pra voltar tipo AGORA?!?!?!😀

Confiram as fotos

Carrossel da Torre Eiffel <3

Carrossel da Torre Eiffel❤

DCIM110GOPRO

luademel-Paris-sony-tratadas_

Sacre-Couer

Sacre-Couer

Muro do Eu Te Amo <3

Muro do Eu Te Amo❤

Escadaria para alcançar o topo do bairro Montmartre

luademel-Paris-tratadas e assinadas-41

Café da Amelie Poulain <3 <3 <3

Café da Amelie Poulain❤❤❤

luademel-Paris-tratadas e assinadas-46

luademel-Paris-tratadas e assinadas-36

Moulin De La Galette

Moulin De La Galette

luademel-Paris-tratadas e assinadas-50

luademel-Paris-tratadas e assinadas-55

luademel-Paris-tratadas e assinadas-57

luademel-Paris-tratadas e assinadas-47

luademel-Paris-tratadas e assinadas-60

luademel-Paris-tratadas e assinadas-48

luademel-Paris-tratadas e assinadas-53

luademel-Paris-tratadas e assinadas-52

luademel-Paris-tratadas e assinadas-29

luademel-Paris-tratadas e assinadas-58

luademel-Paris-tratadas e assinadas-61

O charme do comércio do MARAIS

O charme do comércio do MARAIS

Melhor Crepe do MUNDO!

Melhor Crepe do MUNDO!

O MARAIS é o reduto do judeus em Paris, lá também você encontra os famosos falafel, comida típica judaica.

O MARAIS é o reduto do judeus em Paris, lá também você encontra os famosos falafel, comida típica judaica.

luademel-Paris-tratadas e assinadas

AMOR-ino <3

AMOR-ino❤

DCIM110GOPRO
E e o café da Ameli no fundo <3

E e o café da Ameli no fundo❤

luademel-Paris-sony-tratadas_-6

luademel-Paris-sony-tratadas_-7

luademel-Paris-tratadas e assinadas-77

luademel-Paris-tratadas e assinadas-76

luademel-Paris-tratadas e assinadas-65

luademel-Paris-sony-tratadas_-3

luademel-Paris-sony-tratadas_-4

luademel-Paris-sony-tratadas_-5

Hááá! Primavera em Paris <3

Hááá! Primavera em Paris❤

Tãããããoooo Paris <3 <3 <3 Jardin Du Palais
Avenida Montaigne

Avenida Montaigne

luademel-Paris-tratadas e assinadas-71

luademel-Paris-tratadas e assinadas-72

Galeria La Fayette

Galeria La Fayette

A escultura "O Homem através do muro"

A escultura “O Homem através do muro”

Louvre

Louvre

luademel-Paris-tratadas e assinadas-73

paris tratadas-6

Beijos Parisienses

Olivia

Standard

One thought on “Lua de Mel-Parte 7

  1. Francis, comprei um combo que incluia o jantar na Torre e depois assistir ao espetáculo do Moulin Rouge, ameiii!! Perfeito!! Vc já fez esse passeio?? Vale muito a pena… Qdo eu for novamente a Paris, quero assistir o Lido dessa vez!! Bjod

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s